quinta-feira, 15 de julho de 2010

Projeto de lei aprovado na Argentina muda legislação do casamento, porém, existe uma lei maior e imutável!


            Na madrugada do dia 15 de Julho de 2010 o congresso argentino aprovou a união civil homo afetiva, ou seja, a união legal entre pessoas do mesmo sexo. Após mais de quatorze horas de pleito o projeto foi aprovado com 33 votos a favor, 27 contra e 3 abstenções.

            Quais as alterações promovidas por essa lei aprovada? Qual a sua abrangência?

            Em primeira estância ela irá cumprir o papel para o qual foi criada, tornar a união entre pessoas do mesmo sexo algo legal diante da sociedade, concedendo a esses “casais” os mesmos direitos civis concedidos aos casais heterossexuais.

            Além da legislação será necessário alterar os dicionários da língua espanhola na Argentina. Veja a tradução da explicação do verbete “pareja” (casal) em um dicionário de espanhol de um site argentino: “Par composto de macho e fêmea, ou homem e mulher”. E agora a palavra “matrimonio” (casamento): “Ato solene de união entre duas pessoas de sexos diferentes, capazes e habilitadas, com legitimação religiosa e/ou civil”.

            As alterações na legislação e na gramática argentina levarão, em um efeito progressivo, alterações em várias publicações: Documentos oficiais, jornais, revistas e livros (inclusive os didáticos). Todas terão que se adequar a essa mudança.

            Na verdade nem todos, existe uma publicação que não pode ser alterada: a bíblia sagrada!

            A bíblia é o livro que serve de norma e conduta para todos os cristãos. O cristão crê que os padrões morais e éticos presentes nas escrituras são ordenanças divinas que devem ser observadas. Apocalipse 22. 18 mostra que as escrituras não podem ser alteradas simplesmente pelo desejo dos homens. E o que a bíblia diz sobre casamento?

            Na narrativa da criação fica evidente que no início Deus colocou no jardim do Éden o ser humano criado à sua semelhança (no sentido espiritual), diferenciados biologicamente como macho e fêmea (Gênesis 1. 27).  Quando Deus entregou a Adão a sua companheira, ele ficou tão contente que profetizou o padrão divino para o casamento:

            “Portanto, deixará o varão o seu pai e a sua mãe e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne” (Gênesis 2. 24).

            Deus estabeleceu o casamento entre um homem e uma mulher, e ainda deixou bem evidente o que ele considera acerca das uniões homossexuais:

            “Quando também um homem se deitar com outro homem como com mulher, ambos fizeram abominação...” (Levítico 20. 13); O homossexualismo é conseqüência de uma vida distante da vontade de Deus, leia Romanos 1. 18 a 27 para compreender essa verdade, notem a presença tanto do homossexualismo quanto do lesbianismo no texto paulino.

            Amigo leitor, esse blog tem o compromisso de anunciar a verdade do evangelho (afirmo que eu não escrevi a bíblia, ela está aqui muito antes de qualquer um de nós). Por mais que as legislações humanas mudem, a palavra de Deus não muda! HOMOSSEXUALISMO É PECADO! TODOS OS QUE O PRATICAM CORREM EM DIREÇÃO AO INFERNO!

            “Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o Reino de Deus.” (1 Coríntios 6. 10).

            Espero de todo o meu coração que essa mensagem alcance pessoas que estão envolvidas nessa prática. Nesse momento em que escrevo a intercedo a Deus por sua alma e espero que você busque conhecer a Jesus e receba a liberdade que somente Ele pode te dar. Reconheça que você tem vivido em pecado, peça perdão a Ele e entregue a sua vida nas mãos de Deus, Ele vai mudar a sua história!

            “...e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (João 8. 32).

            “Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não passarão” (Marcos 13. 31).

0 comentários:

Postar um comentário

A sua opinião é muito importante para a gente.
Comente, critique, deixe a sua dica para que o Sementes do Evangelho seja um blog relevante.