domingo, 5 de junho de 2011

Por nossos jovens.

Eu tenho um carinho muito especial pelos jovens da igreja, e quem já trabalhou com grupos de mocidades conhecem os desafios para ajudá-los na fé cristã. Essa notícia veiculada no Cassilândia News, portal de notícias de nossa cidade, me levou às lágrimas:


Cassilândia: Polícia realiza operação Cassilândia Limpa

A Polícia Civil de Cassilândia, composta pelos investigadores Figueiró, Sanavria, Ricardo, Costa, Malheiros e o delegado Rodrigo de Freitas, realizou a operação "Cassilândia Limpa" nesta sexta-feira.

Com o objetivo de combater o tráfico de entorpecentes e em razão da Festa do Peão que está acontecendo em Chapadão do Sul, eles realizaram uma barreira na rodovia MS 306, km 25, em frente ao restaurante denominado Comida Caseira da Deneide.

Após abordarem diversos veículos de passeio, os policiais vistoriaram um veículo Fiat Uno, placa HRM-6234, de Rubinéia (SP) e apreenderam uma porção de substância entorpecente que estava com uma adolescente.

De acordo com a Polícia, como a adolescente infratora se comportava bastante alterada dentro do banheiro do mencionado restaurante, durante busca pessoal a autora tentou introduzir a menor parte dos entorpecentes dentro de sua vagina, A adolescente infratora foi encaminhada à Santa Casa local para exames médicos.

Naquele hospital foram encontradas as demais substâncias entorpecentes apreendidas em poder da adolescente, que estava acondicionada dentro de seu sutiã.

Os envolvidos foram conduzidos até esta Delegacia de Polícia para as providencias cabíveis. Foi dada voz de prisão em fragrante delito aos autores e encaminhados às celas desta Unidade Policial, com todos os seus direitos preservados.

As informações são da Polícia Civil de Cassilândia.

Casos como o dessa moça me entristecem. A cada dia muitos jovens se entregam ao mundo do sexo descompromissado, das bebidas e substâncias entorpecentes e da criminalidade. Nesse exato momento em que estou digitando esse artigo, tem um garoto de no máximo treze anos sendo perseguidos por policiais na rodoviária de Cassilândia.

Ano passado eu fui rendido e assaltado ao sair do trabalho, um dos três jovens que me abordaram é filho de uma irmã. Eu via nos olhos dela um imenso constrangimento na primeira vez em que nos encontramos.

As palavras de Salomão ecoam em minha mente: “Lembra-te do teu Criador nos dias da tua mocidade, antes que venham os maus dias, e cheguem os anos dos quais venhas a dizer: Não tenho neles contentamento” (Eclesiastes 12. 1). Amigo leitor, qual desses testemunhos você considera mais bonito:

- Eu sou um ex-criminoso/drogado/prostituto/alguma outra coisa, mas Jesus me achou no fundo do poço e me libertou!

- Eu vivo na casa de Deus desde a minha mocidade, e o Senhor têm me sustentado com a sua boa mão!

Se você pensou “ambos são belos testemunhos” (e realmente são). Eu reformulo a pergunta: Digamos que você tenha um filho adolescente/jovem, qual desses relatos você gostaria de ouvir dele?

Esse artigo é um verdadeiro desabafo. Esses dias eu vi um jovem que tem problemas para manter-se firme na fé ser maltratado por um obreiro. Depois eu conversei com o irmão, para ele ter paciência e amor por aquele garoto. Não foi a primeira vez que eu vi algo desse gênero acontecendo, e não deve ser a última.

Será que pessoas como esse irmão já pararam para pensar como é pesada a cruz do jovem cristão? Ter que a cada dia rejeitar dezenas de “guisados de lentilhas” oferecidos pelo sistema opressor do pecado. Ser um “excluído” entre aqueles de sua idade por causa de seus ideais.

Sem falar da verdadeira “inquisição santa” que persegue ministérios voltados a agregar jovens para Cristo. Pastores e igrejas estão boicotando esses ministérios simplesmente porque eles “não falam a nossa língua”.

Oremos por nossos jovens, sejamos seus amigos e conselheiros. Que em nossas igrejas existam jovens como os do testemunho do apóstolo João:

“Eu vos escrevi, jovens, porque sois fortes, e a palavra de Deus está em vós, e já vencestes o maligno” (1 João 2. 14).

Nos ajudem a crescer com os seus comentários.

Nossos contatos:




0 comentários:

Postar um comentário

A sua opinião é muito importante para a gente.
Comente, critique, deixe a sua dica para que o Sementes do Evangelho seja um blog relevante.