quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Frutos do bom trabalho para o Senhor.

Por Daniel Dourado.

Há trechos da palavra de Deus que falam por si só, o capitulo 11 de Eclesiastes é um desses. O texto nos traz um grande aprendizado sobre fazer as coisas e não nos preocuparmos, pois a nossa recompensa virá no momento certo.

Eclesiastes 11. 1: “Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás”.


Um dos sentidos da palavra traduzida por “pão” é o grão usado na panificação. A referência desse caso pode se tratar de um costume egípcio de espalhar sementes ou grãos sobre as águas que inundavam suas terras anualmente, quando o rio Nilo transbordava. A princípio a impressão que se tinha era de que aqueles grãos ficavam soterrados e esquecidos, mas no devido tempo eles germinavam e surgia a plantação pronta para a colheita.

Veja que coisa maravilhosa! E totalmente aplicado em nossas vidas, quantas vezes pensamos que aquilo que plantamos no Reino de Deus foi em vão? Quantas vezes achamos que aquilo que fizemos foi à toa ou ineficaz? Mas o Senhor está nos dizendo que, no momento certo, no tempo de Deus, na hora que tiver que acontecer, nesse instante veremos como a grandiosa mão do Senhor esteve sobre nós. Por isso meu querido como diz em Eclesiastes 9. 10: “Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças, porque na sepultura, para onde tu vais, não há obra nem projeto, nem conhecimento, nem sabedoria alguma”. Aquilo que fazemos para o Senhor nunca vai ser em vão, por mais que muitos te chamem de maluco, ou até protestem, fazendo chacotas, não desanime daquilo que o Senhor confiou a você. Foi dessa forma que aconteceu com Noé, muitos zombaram dele, mas ele estava a fazer uma obra para o Senhor e no momento certo ele foi honrado por Deus.

Ainda em Eclesiastes 11. 4: “Quem observa o vento, nunca semeará, e o que olha para as nuvens nunca segará”. Aprendemos que não devemos esperar por um momento propicio e ideal para semearmos na seara do Senhor, pois quando esperamos estamos perdendo tempo, e não ha tempo a ser perdido! Os dias estão se findando e como nos apresentaremos diante de nosso Senhor? De mãos vazias?

Portanto meus queridos e amados irmãos, façamos aquilo que Deus nos confiou, pois como diz o Apostolo Paulo em uma palavra de exortação e esperança na Primeira carta aos Coríntios: “Sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor” (15. 58).

Na fé e em Cristo...

Daniel Dourado é diácono da Assembleia de Deus em São José do Rio Preto e engenheiro agrônomo.
e-mail: agronomo_dourado@hotmail.com
Facebook


1 comentários:

Links Na boca do Sapo disse...

Olá! Temos o prazer de lhe convidar, a conhecer o novo Agregador de Links da web http://nabocadosapo.com.
Venha nos dar o prazer de ter sua presença.
Temos a seção - Religião.
Não deixe de visitar a seção “Parceiros” - http://nabocadosapo.com/parceria e aumente suas visitas. Confira as vantagens.
Na Boca do Sapo – Mais visitas para a sua página
Desde já agradecemos por sua atenção!

Postar um comentário

A sua opinião é muito importante para a gente.
Comente, critique, deixe a sua dica para que o Sementes do Evangelho seja um blog relevante.