terça-feira, 17 de abril de 2012

Chamados por Deus.


Por Daniel Dourado.

Durante essa semana Deus, têm falado fortemente comigo a respeito de ser chamado por Ele. Na verdade, todos somos chamados por Deus para a salvação (Joao 3. 16 e 17) e ainda a bíblia nos fala que o desejo de Deus é de que todos venham a ser salvos (1 Timóteo 1. 3 e 4).

A verdade é que mesmo sendo chamados por Deus, tendo se convertido de seus maus caminhos, infelizmente o homem pode vir a pecar novamente, e tornar a se afastar de Deus. Ao contrario do que muitos falam hoje em dia, não existe essa historia de uma vez salvo sempre salvo, é necessário que nos santificarmos a cada dia e que o Senhor nos aperfeiçoe a cada momento, até o Dia de nosso Senhor Jesus Cristo. (Filipenses 1. 6).


Vivemos em um momento de decadência moral e inversão de valores em nossa sociedade, que tem contaminado nossas Igrejas. Se compararmos a nossa forma de vida hoje, principalmente no que diz respeito à religiosidade, com o que vivia o profeta Isaias no período de seu chamado, veremos que há semelhanças.

Em Isaias 1. 12 ao 20 lemos: “Quando vindes para comparecer perante mim, quem requereu isto de vossas mãos, que viésseis a pisar os meus átrios? Não continueis a trazer ofertas vãs; o incenso é para mim abominação, e as luas novas, e os sábados, e a convocação das assembleias; não posso suportar iniquidade, nem mesmo a reunião solene. As vossas luas novas, e as vossas solenidades, a minha alma as odeia; já me são pesadas; já estou cansado de as sofrer. Por isso, quando estendeis as vossas mãos, escondo de vós os meus olhos; e ainda que multipliqueis as vossas orações, não as ouvirei, porque as vossas mãos estão cheias de sangue. Lavai-vos, purificai-vos, tirai a maldade de vossos atos de diante dos meus olhos; cessai de fazer mal. Aprendei a fazer bem; procurai o que é justo; ajudai o oprimido; fazei justiça ao órfão; tratai da causa das viúvas. Vinde então, e argui-me, diz o SENHOR: ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a branca lã. Se quiserdes, e obedecerdes, comereis o bem desta terra. Mas se recusardes, e fordes rebeldes, sereis devorados à espada; porque a boca do SENHOR o disse”. 

Era tanta superficialidade, tanto apego a coisas vãs e até mesmo desprezo com a santidade de Deus, que o Senhor começou a se enojar de tanta arrogância. Vivemos um período semelhante, pessoas se dão ao direito de pecar deliberadamente, apenas sobre o argumento de que Deus quer apenas o coração. Pessoas que usam até um tipo de feitiçaria em “Igrejas” que se dizem evangélicas: é descarrego, banho de sal grosso, troca de anjo da guarda, tanta coisa, que às vezes é ate difícil de acreditar que fizeram isso, mais principalmente o desprezo pela santidade. É tanto foco em riquezas em auto satisfação que estamos esquecendo a verdadeira religião (Tiago 1. 27). Mas não é tarde, Deus nos chama ao arrependimento, ainda ha tempo.

E em meio a uma sociedade corrompida, alguns anos depois de Isaias, Deus fez um chamado ao Profeta Jeremias, foi necessário Deus escolher uma criança para fazer a diferença naquela nação corrompida. E neste ponto que o Senhor falava comigo, profeta tem muito por ai, tinha muitos profetas na época de Isaias, Jeremias, Daniel, Ezequiel (os últimos três são contemporâneos), e como tem muitos nos dias de hoje, só que Deus está cansado de profetas de meia boca, pessoas que não levam a serio o seu chamado, que permitiram que a corrupção os alcançasse.

Deus nesta ultima geração (eu creio sinceramente que é a ultima), está chamando a mim e a você para sermos a diferença em meio a tanta corrupção, em meio a tanta inversão de valores. Mas não pense que seja fácil, por que ao contrario do que as pessoas pensam, ser um profeta de Deus não quer dizer que tenhamos destaque diante dos olhos dos homens. Pelo contrário, ser profeta significa sofrer desaprovação das pessoas por falar a verdade. Jeremias foi odiado pelos seus compatriotas, Ezequiel teve a própria esposa tirada de seus braços, a tradição diz que Isaias foi cerrado ao meio por ordem do rei Manasses. Sem falar dos nossos irmãos do Novo Testamento, Paulo decapitado, Tiago apedrejado, Pedro crucificado de cabeça para baixo, entre outros.

Porém meus queridos, Deus tem nos dado graça e magnificas promessas, para que possamos ficar firmes. Não temamos o presente século, mas avançamos em busca de almas para o reino de nosso Deus, pois aquele que vencer terá grandes recompensas (vide Apocalipse 2. 7, 11, 17, 26 e 27 e também apocalipse 3. 5, 12 e 21(.

Na fé e em Cristo.
Daniel Dourado é diácono da Assembleia de Deus em São José do Rio Preto e engenheiro agrônomo. e-mail: agronomo_dourado@hotmail.com Facebook
 

0 comentários:

Postar um comentário

A sua opinião é muito importante para a gente.
Comente, critique, deixe a sua dica para que o Sementes do Evangelho seja um blog relevante.