quarta-feira, 8 de agosto de 2012

A Vontade Soberana de Deus.

Por Daniel Dourado.

“Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o SENHOR. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos” (Isaías 55. 8 e 9).

Quantas vezes acreditamos que sabemos escolher o que é melhor para nós?

Já imaginou se Deus nos desse de bom grado tudo o que pedimos? Isso inclusive me fez lembrar o filme, o Todo Poderoso, no qual Jim Carrey recebe os poderes divinos por determinado tempo, e ele concede tudo o que lhe pedem, e aquilo gera um verdadeiro caos. É uma ficção que retrata bem o que ocorreria se Deus nos desse tudo de bom grado.

Isso ocorre por vários motivos, mais principalmente pela inconstância dos seres humanos, aquilo que hoje nos agrada, nos atrai, talvez no dia de amanha já não traga aquela satisfação que tatos imaginávamos.

E nisso eu visualizo a vontade soberana de Deus, que não quer simplesmente nos dar aquilo que pedimos.  Ele deseja que criemos vinculo com aquilo que desejamos que valorizemos aquilo que Ele nos permite alcançar.

Este versículo inicial nos demonstra como a vontade soberana de Deus se desenvolve, isso ocorre devido à onisciência de nosso Senhor, que sabe desde já aquilo que nós podemos possuir, diferentemente de nós que conhecemos as coisas em parte (vide 1 Coríntios 13. 12), o Senhor conhece o fim desde o começo (Isaias 46. 10).

Deus nos incentiva a pedir, a buscar, a bater na porta ate que ela se abra, ou seja, que sejamos perseverantes naquilo que desejamos (vide Mateus 7. 7 e 8). A própria palavra do Senhor nos fala que nós não recebemos por não sabemos pedir direito (Tiago 4. 3).

Deus quer que nós aliemos os nossos desejos à sua vontade soberana, só assim Ele pode operar a nosso favor. E como podemos saber a vontade de Deus para nossas vidas?

Através da oração, da leitura de sua palavra, do relacionamento intimo com Deus.

Podemos ver isso através da vida do apostolo Paulo, que era um perseguidor da Igreja primitiva, mas que quando recebeu a revelação de Cristo começou a ter um relacionamento intimo com Deus, que revelou a sua missão direta com os gentios.

Dessa forma que o Senhor quer agir nas nossas vidas, através de um relacionamento verdadeiro com Deus poderemos conhecer a sua vontade soberana para nossas vidas e assim alcançarmos as vitorias prometidas pelo nosso Deus.

Na fé e em Cristo.


Daniel Dourado é diácono da Assembleia de Deus em São José do Rio Preto e engenheiro agrônomo. e-mail: agronomo_dourado@hotmail.com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

A sua opinião é muito importante para a gente.
Comente, critique, deixe a sua dica para que o Sementes do Evangelho seja um blog relevante.